«

»

jan 18

Mensagem de Exortação: Deus quer uma oferta sem defeito

Colaborador do portal Lagoinha.comOferta sem defeito
“Porém, havendo nele algum defeito, se for coxo, ou cego, ou tiver outro defeito grave, não o sacrificarás ao Senhor, teu Deus.” (Dt 15.21.)
Nessa poderosa passagem, Deus dá instruções ao povo acerca do ano da remissão. Ele diz claramente que não pode sacrificar nada que tenha defeito. Não podemos esperar desfrutar de uma promessa sem cumprir os princípios que a farão manifestar-se, pois cada promessa do Senhor para nós está condicionada a um princípio. Se a sua oferta for holocausto de gado, trará macho sem defeito; à porta da tenda da congregação o trará, para que o homem seja aceito perante o Senhor (Lv 1.3). No livro de Levítico, o Senhor também dá a mesma instrução: sua oferta não pode ter defeito. Por que não? Por que tem de ser perfeita? Todos nós lutamos contra uma força espiritual que se tornou uma cultura no nosso país; aqui elogiamos a pobreza, a ruína e a miséria quando a confundimos com humildade. Ser humilde nada tem a ver com não ter recursos, e essa visão nos faz aceitar as circunstâncias que nos rodeiam: o lugar onde estamos, a família que nascemos. O trabalho que conseguimos. Ao fazer isso, desprezamos a Palavra de Deus para nós com a promessa de terra fértil, lugar de abundância, onde a provisão de Deus seria a marca que nos distingue. Para remover o imperfeito, você precisa oferecer o que é perfeito. Ninguém vai remover algo que não está bom colocando algo que também não está bom. Deus quer o melhor para nossa vida. Está errado o pensamento de que o melhor de Deus só virá se eu ganhar mais. Ora, Deus é muito mais poderoso do que qualquer valor do seu contracheque. Se com cinco pães e dois peixes Ele alimenta cinco mil pessoas, o que não fará com o que você tem nas mãos? Mas atente para o fato de que o jovem que ofereceu cinco pães e dois peixes a Jesus ofereceu o melhor, não era o pão mofado ou peixe estragado. Sem fé, nada que você fizer para o Reino de Deus terá valor. A Bíblia diz que “sem fé é impossível agradar a Deus” (Hb 11.6). Se você não tem fé, precisa converter-se. Quando ouviu a Palavra e ela entrou em seu coração, veio carregada de fé em sua vida. O problema muitas vezes não é que você não tem fé, o problema é que a sua fé não cresceu. Só há uma maneira de fazê-la crescer; a Palavra de Deus diz que a fé vem pelo ouvir, e ouvir a Palavra de Deus. Quanto mais você se relacionar com a Palavra de Deus, quanto mais ouvir a Palavra de Deus e relacionar-se com ela, mais a sua fé aumentará. O contrário também é verdadeiro: quanto menos acesso à Palavra você tiver, menos fé terá, porque na Palavra em Gálatas está escrito que a lei era imperfeita, e ela pôde ser removida porque Jesus Cristo foi a oferta perfeita, o sacrifício perfeito a removeu. Ao ofertar, aquilo que você entrega é submetido ao “teste do princípio” – à medida que você dá é a medida que recebe. Lamentavelmente, muitas vezes nossos dízimos e ofertas passam por esse filtro e não sobra nada, pois oferecemos uma oferta imperfeita, demos sem alegria, entre outras atitudes contrárias aos princípios do Senhor. Somente a Igreja de Jesus, debaixo dessa visão, poderá quebrar o espírito de pobreza, ruína e miséria que impera nossa nação. “O filho honra o pai, e o servo ao seu amo; se eu, pois, sou pai, onde está a minha honra? E se eu sou amo, onde está o temor de mim? diz o Senhor dos exércitos a vós, ó sacerdotes, que desprezais o meu nome. E vós dizeis: Em que temos nós desprezado o teu nome? Ofereceis sobre o meu altar pão profano, e dizeis: “Em que te havemos profanado? Nisto que pensais, que a mesa do Senhor é desprezível.” (Ml 1.6-7.)
Há sempre uma razão para oferecer a Deus menos do que o nosso melhor:
Falta de visão; Falta de temor; Falta de amor. Se você ama alguém, não lhe dará qualquer coisa. Falta de fé; Você não acredita naquilo que está semeando. Minha semente vem das mãos do próprio Deus, e ao ser semeada voltará muito melhor e mais poderosamente abençoada para as minhas mãos. Deus não quer tirar nada de você. Desculpas: “Não posso, não tenho”. Prosperar não é uma prioridade em sua vida. Por que alguns crescem e outros não? Porque alguns valorizam o seu tempo e outros não. Quando não valoriza o seu tempo você está comprometendo o seu futuro. Não desperdice o tempo da oferta com algo menos do que o seu melhor. Honre a Deus, e Ele o honrará.
DESAFIO DE FÉ: Prepare uma oferta especial para o Senhor nessa semana, sem defeitos ou máculas. Consagre a Ele o seu melhor e prepare-se para receber a sua abundância. Ele lhe devolverá uma medida transbordante.
Por Pr. Marcus Gregóriorta sem defeito
“Porém, havendo nele algum defeito, se for coxo, ou cego, ou tiver outro defeito grave, não o sacrificarás ao Senhor, teu Deus.” (Dt 15.21.)
Entregue-tudo-a-Deus
Nessa poderosa passagem, Deus dá instruções ao povo acerca do ano da remissão. Ele diz claramente que não pode sacrificar nada que tenha defeito. Não podemos esperar desfrutar de uma promessa sem cumprir os princípios que a farão manifestar-se, pois cada promessa do Senhor para nós está condicionada a um princípio. Se a sua oferta for holocausto de gado, trará macho sem defeito; à porta da tenda da congregação o trará, para que o homem seja aceito perante o Senhor (Lv 1.3). No livro de Levítico, o Senhor também dá a mesma instrução: sua oferta não pode ter defeito. Por que não? Por que tem de ser perfeita? Todos nós lutamos contra uma força espiritual que se tornou uma cultura no nosso país; aqui elogiamos a pobreza, a ruína e a miséria quando a confundimos com humildade. Ser humilde nada tem a ver com não ter recursos, e essa visão nos faz aceitar as circunstâncias que nos rodeiam: o lugar onde estamos, a família que nascemos. O trabalho que conseguimos. Ao fazer isso, desprezamos a Palavra de Deus para nós com a promessa de terra fértil, lugar de abundância, onde a provisão de Deus seria a marca que nos distingue. Para remover o imperfeito, você precisa oferecer o que é perfeito. Ninguém vai remover algo que não está bom colocando algo que também não está bom. Deus quer o melhor para nossa vida. Está errado o pensamento de que o melhor de Deus só virá se eu ganhar mais. Ora, Deus é muito mais poderoso do que qualquer valor do seu contracheque. Se com cinco pães e dois peixes Ele alimenta cinco mil pessoas, o que não fará com o que você tem nas mãos? Mas atente para o fato de que o jovem que ofereceu cinco pães e dois peixes a Jesus ofereceu o melhor, não era o pão mofado ou peixe estragado. Sem fé, nada que você fizer para o Reino de Deus terá valor. A Bíblia diz que “sem fé é impossível agradar a Deus” (Hb 11.6). Se você não tem fé, precisa converter-se. Quando ouviu a Palavra e ela entrou em seu coração, veio carregada de fé em sua vida. O problema muitas vezes não é que você não tem fé, o problema é que a sua fé não cresceu. Só há uma maneira de fazê-la crescer; a Palavra de Deus diz que a fé vem pelo ouvir, e ouvir a Palavra de Deus. Quanto mais você se relacionar com a Palavra de Deus, quanto mais ouvir a Palavra de Deus e relacionar-se com ela, mais a sua fé aumentará. O contrário também é verdadeiro: quanto menos acesso à Palavra você tiver, menos fé terá, porque na Palavra em Gálatas está escrito que a lei era imperfeita, e ela pôde ser removida porque Jesus Cristo foi a oferta perfeita, o sacrifício perfeito a removeu. Ao ofertar, aquilo que você entrega é submetido ao “teste do princípio” – à medida que você dá é a medida que recebe. Lamentavelmente, muitas vezes nossos dízimos e ofertas passam por esse filtro e não sobra nada, pois oferecemos uma oferta imperfeita, demos sem alegria, entre outras atitudes contrárias aos princípios do Senhor. Somente a Igreja de Jesus, debaixo dessa visão, poderá quebrar o espírito de pobreza, ruína e miséria que impera nossa nação. “O filho honra o pai, e o servo ao seu amo; se eu, pois, sou pai, onde está a minha honra? E se eu sou amo, onde está o temor de mim? diz o Senhor dos exércitos a vós, ó sacerdotes, que desprezais o meu nome. E vós dizeis: Em que temos nós desprezado o teu nome? Ofereceis sobre o meu altar pão profano, e dizeis: “Em que te havemos profanado? Nisto que pensais, que a mesa do Senhor é desprezível.” (Ml 1.6-7.)
Há sempre uma razão para oferecer a Deus menos do que o nosso melhor:
Falta de visão; Falta de temor; Falta de amor. Se você ama alguém, não lhe dará qualquer coisa. Falta de fé; Você não acredita naquilo que está semeando. Minha semente vem das mãos do próprio Deus, e ao ser semeada voltará muito melhor e mais poderosamente abençoada para as minhas mãos. Deus não quer tirar nada de você. Desculpas: “Não posso, não tenho”. Prosperar não é uma prioridade em sua vida. Por que alguns crescem e outros não? Porque alguns valorizam o seu tempo e outros não. Quando não valoriza o seu tempo você está comprometendo o seu futuro. Não desperdice o tempo da oferta com algo menos do que o seu melhor. Honre a Deus, e Ele o honrará.
DESAFIO DE FÉ: Prepare uma oferta especial para o Senhor nessa semana, sem defeitos ou máculas. Consagre a Ele o seu melhor e prepare-se para receber a sua abundância. Ele lhe devolverá uma medida transbordante.
Por Pr. Marcus Gregório
Fonte: Portal Lagoinha.com