«

»

nov 04

Você já teve um encontro com Deus?

Irmãos, trago essa mensagem a vocês para refletirmos juntos sobre o ‘encontro com Deus’. Aquele momento onde nos rendemos, nos humilhamos, nos entregamos ao Pai sem reservas, aquele momento único que marcou a nossa vida para sempre até por toda eternidade.

Deus te abençoe.
A verdadeira conversão sempre resulta em rendição à vontade de Deus, pois a fé salvadora implica obediência (Romanos 1.5).encontro-deus

De acordo com a Bíblia, Paulo teve um encontro direto com Jesus em sua caminhada a Damasco. Ele fora subitamente surpreendido por uma luz “… Enquanto Saulo estava indo para Damasco perseguir Cristãos, ele viu uma luz vinda do céu e ouviu o Cristo ressurreto…” (Atos 9.1-30).  Não foi um êxtase, mas uma aparição real e objetiva do Cristo ressurreto e exaltado, vestido de sua humanidade glorificada. A rendição de Paulo ao Senhorio de Cristo foi imediata e absoluta. Desde o momento em que ele reconheceu que Jesus não era um impostor, mas o Messias dos judeus. A verdadeira conversão sempre resulta em rendição à vontade de Deus, pois a fé salvadora implica obediência (Romanos 1.5). O chamado de Deus veio a Paulo de forma tão clara e específica que não lhe foi possível confundi-lo enquanto jazia deitado no chão cego pela luz celestial.

Deus tem despertado e encorajado nossa geração a se render aos pés dele, a conhecê-lo de todo coração, para que Ele possa nos revelar coisas grandes e ocultas que ainda não sabemos. Muitos têm conhecido a Deus de ouvir falar, mas Ele deseja que o conheçamos de com Ele andar.

Quando obtivermos um encontro verdadeiro com Deus, nada nos chamará mais atenção do que o prazer de estar com Ele, será fácil deixarmos as outras coisas para depois. Você já teve um verdadeiro encontro com Deus? Aquele encontro onde reconhecemos a beleza da sua santidade e somos constrangidos pelo seu amor. Alguns querem ministérios, mas Paulo só obteve um quando teve o encontro com Deus “… Mas o Senhor lhe disse [a Ananias]: Vai, porque este [Saulo] é para mim um instrumento escolhido para levar o meu nome perante os gentios e reis, bem como perante os filhos de Israel; pois eu lhe mostrarei quanto importa sofrer pelo meu nome.”  (Atos 9.15-16.)

Deixemo-nos ser envolvidos pela maravilhosa graça de Deus, não mais nos sujeitando ao pecado, ao mundo, mas, sim, pela maravilhosa graça que Ele nos dá.

“…Levanta-te e firma-te sobre teus pés, porque por isto te apareci para te constituir ministro e testemunha, tanto das coisas em que me viste como daquelas pelas quais te aparecerei ainda; livrando-te do povo e dos gentios, para os quais eu te envio, para lhes abrir os olhos e convertê-los das trevas para a luz e da potestade de Satanás para Deus.” (Atos 26.16-18.)

Fomos chamados, sim, primeiramente para conhecer a Deus e a Sua vontade, depois para fazermos a obra que Ele nos incumbiu.

Tenha um encontro com Deus!

Fonte: Ministério de Artes Freedom